Carta Aberta ao Inverno.

Querido inverno,

começo esta carta dizendo que morro de saudade. Todo dia penso em você, no tempo que passamos juntos, no quanto gosto de passar meus dias com você.

Lembra das nossas manhãs chuvosas tomando café quentinho embaixo do edredom? E daquele meu pulôver  de lã que herdei do meu pai que você adorava quando eu usava? Me pergunto diariamente onde foram parar esses momentos. Será que só eu os guardei em minha memória e em meu coração?

Foi algo que eu fiz ou que falei? Será que foi aquela foto que postei no Instagram no verão passado, celebrando o calor e matando a sede com um chopp gelado? Se foi, peço perdão. Foi apenas um sentimento passageiro, sem significado algum, um momento leviano.

Me perdoe. Volte pra mim. Vamos tentar mais uma vez. Tenho certeza que ainda seremos muito felizes juntos.

Aguardo sua resposta.

Te amo.

tumblr_n7g6de1imK1siyrhqo1_1280

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s