Aquele pra minha <3

O que você espera de mim? O que você QUER de mim? Quem eu sou pra você? Eu não sou sua mãe, não sou a irmã que você não teve, não sou a prima com quem você não fala mais. Não sou seu pai, não sou o MEU pai e não sou seu ex-marido. Não sou o namoro que não deu certo, os bailes que você deixou de ir nem a sua vida profissional sobrecarregada. Não sou o bronzeado do sol que você teme, não sou a areia da praia que você acha que não tem mais direito, não sou a pipoca do cinema que você diz que quer frequentar mas nunca vai. Não sou o teclado do computador onde você trabalha 24h por dia, não sou o aluno que te falta com o respeito, não sou a cadeira do metrô que nunca está vaga pra você. Eu não sou nada disso.

Eu sou a pessoa que queria ter conhecido a mulher que você era antes disso tudo. Eu queria ter comido o seu empadão. Eu sou a pessoa que queria ter viajado com você.  Mas eu não sou e tá tudo bem. Eu sou a pessoa que aperta sua mão quando você precisa. A pessoa que faz suas comidas preferidas, que faz café fresquinha, que quebra a cabeça mais do que você imagina pra poder te ajudar. Eu sou aquela que perde o sono junto com você sem você saber.

Eu sou aquela que não sabe mais o que fazer pra te ver bem.

O que eu te desejo: que você descubra algo que VOCÊ MESMA faça e que te traga felicidade. Não algo que eu faça, que eu te dê, que eu fale. Algo que dependa só de você e de mais ninguém. Se olha por dentro, descubra o que falta. Sei que te devo tranquilidade, serenidade e um monte de outras coisas. Mas nada disso adianta se você não prestar atenção em você mesmo.

A gente só se tem, somos duas e só.

Mas você precisa ser você antes de tudo.

Eu sou você e eu preciso que você seja também.

Te amo.

Sponsored Post Learn from the experts: Create a successful blog with our brand new courseThe WordPress.com Blog

WordPress.com is excited to announce our newest offering: a course just for beginning bloggers where you’ll learn everything you need to know about blogging from the most trusted experts in the industry. We have helped millions of blogs get up and running, we know what works, and we want you to to know everything we know. This course provides all the fundamental skills and inspiration you need to get your blog started, an interactive community forum, and content updated annually.

Aquele sobre entrevistas.

Olá meninas, tudo bem? O video post de hoje é sobre um assunto BEM recorrente dado o número de migxs que diariamente mandam seus currículos pra vagas de empregos que sabe-se lá Deus se são reais ou não. 

 

Entrevista

 

Aqui vão algumas questões com as quais eu, uma desempregada, tenho problemas:

  • Respondam emails de contato. Não vai cair dedo de ninguém nem consumir o tempo de algum funcionário que esconde de você (que ano é hoje?) que está no Facebook. E, por favor, nos poupe daquela baboseira de “não temos vaga mas estamos colocando seu currículo no banco de dados”. THERE IS NO BANCO DE DADOS e todo mundo sabe.

 

  • Vaga para uma “empresa confidencial” para vaga “confidencial” com salário “a combinar”. Sério mesmo? Se garantam, porra.

 

  • Massagem de ego, parem com isso. Pergunta de RH dos anos 80. “Por que você quer trabalhar na Lu SA?” Resposta: Porque eu quero um emprego, porra. Quero dinheiro. Quero trabalho. Quero carteira assinada. Quero plano de saúde. Quero qualquer merda que você me ofereça. A menos que o candidato tenha o SONHO de trabalhar na sua digníssima empresa ele vai jogar no Google pra saber quem você é (se não for confidencial) e vai inventar uma resposta.

 

  • O que eu almejo em dois anos? Sei lá, ter um cachorro. E um trabalho que me dê oportunidade de crescimento. Pronto. 

 

  • Me convença a trabalhar na/com a sua empresa. Eu já vi a proposta, mandei o currículo, já estou interessado. Você que tem que me convencer que me quer.

 

  • Joga limpo. Você não quer que o candidato minta, a gente também não quer que você nos engane. Toda empresa tem problemas, todo cargo tem percalços. Bote as cartas na mesa. 

 

  • Vagas.com é um buraco negro, vocês sabem né? 

A moral é: SEJAM SINCEROS. É o justo, com os dois lados. A gente precisa de vocês mas vocês também precisam da gente, é um troca mútua.

Sejamos francos.

Sempre.

Ver.dade.

Tenho pavor de ser iludida e mais ainda de me iludir.

Não gosto de meias palavras, de discursos pretensamente protetores e cuidadosos.

Prefiro ver a imaginar, prefiro sangrar a ser estancada.

A verdade pra mim é uma pedra áspera, que eu esfrego na minha pele até que pare de machucar.

Dói, sangra, dilacera.

Mas a pele se renova, não é?

Só espero que, dessa vez, venha mais grossa.

 

 

verdade sangue.jpg

Carta a uma bailarina <3

532737_4113496445183_882587187_n

Já perdi a conta de quantas vezes te vi no palco, já perdi a conta dos palcos em que te vi. Não sei quantas horas de ensaio assisti, quantas coreografias decorei, quantas camisas da Dina Nina usei por sua causa. Só sei que lá se vão anos, uns 13, acho (humanas, sorry, não sei contar).

Quando você entra no palco não sou aquela grita. Nada contra quem faz, você é gostosa mesmo, todo mundo tem mais é que te ovacionar. Eu observo, cada movimento. Inúmeras vezes levei máquina com a intenção de registrar cada passo, mas não consigo. Quero obervar, absorver cada momento porque sei o quanto você é feliz naquele tablado iluminado com cortinas vermelhas.

Esse ano você me deu o melhor presente que podia dar: me convidou pra dançar com você. Miga, sua louca. Eu que tanto te vi brilhar vou dividir o palco com você, na véspera do meu aniversário. Nada seria melhor do que isso, do que aquela música, do que esse momento. Vai ser único e inesquecível pra mim.

Obrigada pelo convite, pela honra, pelos sábado de ensaio, pela vida.

Minha irmã, minha bailarina.

Te amo.

Ps: desculpa pelos pisões no pé, tá? Foram com amor hahaha

 

Ódio a Biomassa.

Semana passada resolvi dar uma chance a tal da biomassa de banana verde e minha conclusão foi:

não, jamais, jamé, nunquinha, never, em tempo algum, nem fudendo.

“Ah, mas não tem gosto de nada”. Tem  sim senhor. Porque raios a merda da biomassa de BANANA VERDE não teria gosto de BANANA VERDE?

“Ah, mas faz brigadeiro fit, risoto fake, strogonoff funcional”. Faz não, amiguinho. Faz uma gororoba horrorosa e deveria ser um crime usar nome de comida gostosa e ser tão, tão, tão ruim.

“Ah, é amiga da dieta”. Foda-se, prefiro não comer brigadeiro, strogonoff e risoto do que comer qualquer coisa que seja feita com essa coisa.

Sério, é ruim demais.

Viva o creme de leite light, o leite condensado, a manteiga (pode ser ghee porque essa assim é boa) e o arroz arbóreo e todo o seu amido ❤

473cb2da7160774d2c8139717c5c045f

Carta Aberta ao Inverno.

Querido inverno,

começo esta carta dizendo que morro de saudade. Todo dia penso em você, no tempo que passamos juntos, no quanto gosto de passar meus dias com você.

Lembra das nossas manhãs chuvosas tomando café quentinho embaixo do edredom? E daquele meu pulôver  de lã que herdei do meu pai que você adorava quando eu usava? Me pergunto diariamente onde foram parar esses momentos. Será que só eu os guardei em minha memória e em meu coração?

Foi algo que eu fiz ou que falei? Será que foi aquela foto que postei no Instagram no verão passado, celebrando o calor e matando a sede com um chopp gelado? Se foi, peço perdão. Foi apenas um sentimento passageiro, sem significado algum, um momento leviano.

Me perdoe. Volte pra mim. Vamos tentar mais uma vez. Tenho certeza que ainda seremos muito felizes juntos.

Aguardo sua resposta.

Te amo.

tumblr_n7g6de1imK1siyrhqo1_1280

Anota aí: Pizza (crepioca)

Sabe qual a boa do final de semana? PIZZA.

Melhor ainda quando ela feita rapidinho, com goma de tapioca e na frigideira.

Vi essa receita aqui e um dia desses resolvi testar em casa e deu super certo. Dá pra fazer de todos os sabores, aqui nos escolhemos quatro queijos mas acabou virando cinco ❤

A receita da massa é super simples:

IMG_2425

  • 1 ovo
  • 7 colheres de sopa de goma de tapioca
  • 1/2 colher de chá de fermento (fiz sem e também dá certo)

Mistura tudo, coloca na frigideira em fogo baixo, tampa e espera uns 2 minutinhos. Quando a massa estiver durinha desliga o fogo e coloca o que você quiser. Depois é só ligar o fogo baixo de novo, tampar mais um pouquinho e esperar o queijo derreter e voilá, tá pronta sua pizza.

Nossos queijos foram:

IMG_2423

IMG_2424

  • Gorgonzola
  • Provolone
  • Parmesão
  • Mussarella
  • Catupiry

IMG_2738

Dá até pra fazer um rodízio de pizza maroto com os amigos ❤

Diva & Márcio

11110966_10153218225563126_1775260730451845335_n

Ele: Conheço desde que nasci. Temos (assim mesmo, no presente) a sorte de dividir o mesmo pai e ele ACHA que a gente divide a mesma mãe. Ao longo dos anos ele foi acumulando tantos cargos que perdi a conta: pai, irmão, amigo … Sempre achei que era privilégio meu, mas hoje em dia eu acho que não. É privilégio de todo mundo que o cerca. Foi com ele que aprendi a fazer mousse, a aprontar na escola, a gostar de rock e provavelmente aprendi a falar palavrão com ele também. Também aprendi a ser carinhosa, a falar “eu te amo” sempre que tenho vontade, a correr atrás da felicidade e do amor ❤

Ela: Não conheço desde que nasci, mas queria ter conhecido. Minha cunhada, minha amiga, uma super mãe, uma Mulher Maravilha, minha BU. Já gostava dela muito antes de saber que era ela o motivo da alegria dele, do sorriso e do brilho nos olhos que andavam meio escondidinhos. Os motivos do amor dele ficam evidentes quando você a conhece. A Diva que além de diva também é moleca, divertida, pé no chão. Obrigada, obrigada, obrigada. Não me canso de agradecer, você sabe pelo que.

A história deles daria um livro e tanto. E nesses dias esse livro vai ganhar mais alguns capítulos, alguns de muitos que ainda estão por vir. E eu espero estar aqui, quem sabe escrevendo esse livro do qual eu tenho muito orgulho de ser uma das personagens.

Amo vocês, amo o amor de vocês, amo o que vocês estão construindo e amo ser cúmplice disso tudo ❤